UMESP promove bate-papo sobre Economia Circular

Debate on-line acontece no dia 02 de junho

Alunos dos cursos de Engenharia de Computação e Engenharia de Produção da UMESP estão desenvolvendo projetos integrados ligados à temática "Economia Circular". Com intuito de ampliar as discussões sobre esse tema na universidade, o professor Carlos Eduardo Santi, diretor de Relações Institucionais e coordenador desses projetos integrados, convidou um grupo de especialistas no assunto para que falem sobre o tema a partir de diferentes pontos de vista.

Segundo o relatório sobre economia circular, chamado "The Circularity Gap Report 2019", divulgado durante o Fórum Econômico Mundial em Davos, apenas 9% da economia global é circular, ou seja, menos de 10% das 92,8 bilhões de toneladas dos materiais usados em processos produtivos são reutilizados. 

Sylvio Rocha falará sobre o tema a partir do documentário “Um Presente à Prova de Futuro”. O filme foi produzido por ele e será lançado ainda este ano. Waverli Maia Matarazzo Neuberger falará a partir da necessidade de ajustarmos nossa vida aos padrões que regem a natureza. Gui Brammer abordará o tema a partir de sua vivência no mundo empresarial.

"A formação de bons profissionais para o século XXI, em especial nos cursos de engenharia onde atuo, não pode ser restrita a aspectos técnicos. Deve contemplar o desenvolvimento de uma visão crítica da realidade dos problemas socioambientais e o desenvolvimento sustentável”, afirma professor Santi, organizador do evento.

Data: 02/06/2020

Horário: 19h30 às 21h30

Link para a transmissão:

https://us.bbcollab.com/guest/2d96054192c641ed98484c778f7f04aa

 

Sobre o filme:

O documentário “Um Presente à Prova de Futuro” (2019, 78’) é uma produção Tocha Filmes em coprodução com a Globo Filmes. É o primeiro filme brasileiro a trazer os conceitos relacionados à economia circular, propondo novas formas de produzir, consumir e descartar, evidenciando a necessidade de um novo modelo de desenvolvimento econômico que realmente considere os limites regenerativos do planeta e a necessidade de bem-estar mínimo aos cidadãos. Filmado no Brasil e nos Países Baixos, o documentário é narrado pelo Lenine. 

Trailer para divulgação (1’:05”)

https://vimeo.com/414840345

 

sylvia.jpgSobre o Sylvio Rocha: 

Sócio-fundador da Tocha Filmes, após 25 anos no mundo corporativo, em 2012 iniciou sua trajetória na produção de conteúdos audiovisuais relacionados a temas socioambientais e desenvolvimento sustentável. Para seus projetos, articula a participação de importantes organizações não governamentais, setor privado e instâncias do setor público.

Para 2020, tem previsto o lançamento do documentário longa-metragem “Um Presente à Prova de Futuro” e “Como Ela Faz?”, este último focado na equidade de gênero no universo do trabalho, além de séries de TV e documentários focados em temas como mudanças climáticas, desperdício de alimentos, empreendedorismo, entre outros.

 

 

 

waverli.pngSobre Waverli Maia Matarazzo Neuberger  

Graduada em Ciências Biológicas (USP), mestre e doutora em Ciências Biológicas (USP).  Especialista em Educação para Sustentabilidade no Schumacher College; em Biologia Cultural pela Escuela Matriztica de Santiago e em Teoria U pelo Presencing Institute, onde cursou o MasterClass.  Foi professora titular na Universidade Metodista de São Paulo, onde criou e coordenou o Programa Metodista Sustentável, o Centro de Sustentabilidade e o curso de Gestão Ambiental. Foi Secretária de Meio Ambiente de Santo André (1993-1996). Atualmente sua atuação profissional está focada em Educação para a Sustentabilidade no Ensino Superior e em como formar lideranças que atuem nas mudanças necessárias para se atingir um futuro sustentável. Mantém ainda seu interesse na Conservação das Florestas.

 

 

gui.jpgSobre Gui Brammer 

Nascido em São Paulo, formado pela Universidade Mackenzie em Engenharia de Materiais, MBA em Marketing pela USP e especialização em negócios sustentáveis pela FGV-SP. Tem experiência em negócios B2B e passou por empresas importantes do setor de matéria-prima para indústria como Bemis, Celulose Irani, Avery Dennison, CSN, Vitopel. Especialista em Economia Circular, ele  fundou a Boomera, empresa reconhecida pelo World Economic Fórum e revista Entrepreneur como umas das 5 Start Ups que estão tornando a América mais Sustentável. Ajuda empresas como P&G, Natura, BRF, Braskem, Unilever, Adidas, PepsiCo, Mondelez, VolksWagen, entre outras, a transformar a forma de produção em um modelo mais circular. Foi escolhido Empreendedor Social 2016 pela revista "Pequenas Empresas Grandes Negócios", Profissional do Ano 2016 pela Embanews e Empreendedor Social 2019 pela Folha de São Paulo e Fundação Schwab.

.

 

 

Reportar Erros

X