Grupo Vocal Sintonia reúne funcionários PcD da Metodista

Projeto faz parte do Núcleo de Arte e Cultura e realizou sua primeira apresentação

O Grupo Vocal Sintonia realizou sua primeira apresentação na manhã desta quinta-feira (12), em frente ao Edifício Sigma do campus Rudge Ramos. O projeto é composto por funcionários do setor de produtos artesanais e foi iniciado no ano passado, na Mostra de Arte Inclusiva. A ação é coordenada pelo Núcleo de Arte e Cultura (NAC) e tem como foco o desenvolvimento de pessoas com deficiência (PcD) que trabalham na Universidade Metodista de São Paulo, por meio de grupos artísticos.

“Eles ensaiam às quintas-feiras e a ação de hoje, especificamente, foi para que não ficassem somente nos ensaios e sentissem o que é uma apresentação em público. Além disso, buscamos fazer com que eles sejam conhecidos pelo espaço universitário cantando e também pelo trabalho que realizam no setor de produtos artesanais da instituição. ” – afirma Claudia Cezar, coordenadora do NAC.

Inclusão na prática

O projeto tem auxiliado a qualidade de vida e a interação social de funcionários e familiares PcD. "Trabalho na Metodista e gosto de participar das aulas. Estou participando do Grupo, gosto de ouvir músicas e cantar. Meus artistas preferidos são Nelson Gonçalves, Odair José e Amado Batista” – conta com empolgação Robson, funcionário e participante do projeto.

 “Faz 9 anos que meu filho trabalha na Metodista. Ele evoluiu muito participando do Grupo Vocal. Antes ele tinha vergonha de participar de coisas ligadas ao público e hoje está interagindo mais e inclusive fazendo outras coisas, como computação, isto é bárbaro” - compartilha  Luiza Delmanto, mãe de Paulo Delmanto, funcionário e participante do projeto. 

Grupo Vocal Sintonia apresentou três músicas, entre as quais “A paz no mundo” – Thelma Chan. Confira as fotos: http://bit.ly/GrupoVocalSintonia1 

Reportar Erros

X